bancadaplebiscito2A bancada do PT na Câmara divulgou uma nota em apoio à mensagem da presidenta Dilma Rousseff ao Congresso Nacional e que sugere a aprovação de uma reforma no sistema político do País, via plebiscito. Para o líder do PT, deputado José Guimarães (PT-CE), o apoio reflete a unidade do partido em torno do tema.

“Fizemos uma forte reunião que produziu uma declaração pública, aprovada por unanimidade, saudando a iniciativa da presidenta Dilma em propor o plebiscito como instrumento de consulta popular sobre a reforma política”, informou Guimarães.

Durante reunião do colegiado, nesta terça-feira (2), também foi constituída uma comissão de 10 deputados que vai negociar com os outros partidos políticos a melhor forma de conduzir esse processo que viabilizará a reforma.

Além do líder petista, a comissão é composta pelos deputados Alessandro Molon (RJ), Henrique Fontana (RS), Iriny Lopes (ES), Ilário Marques (CE), Janete Pietá (SP),José Genoino (SP), Márcio Macêdo (SE), Paulo Teixeira (SP) e Ricardo Berzoini (SP).

Leia abaixo a íntegra da nota:

Reforma política, com plebiscito já!

A Bancada do PT na Câmara saúda e apoia a mensagem encaminhada ao Congresso Nacional, nesta terça-feira (2), pela presidenta Dilma Rousseff, com sugestões que abrem caminho para uma efetiva e ampla reforma política no País, incluindo como questão central a realização de um plebiscito.

Esse instrumento de consulta popular materializa o princípio da participação popular   — ferramenta essencial na busca de soluções de problemas de toda a sociedade — e, ao mesmo tempo, pavimenta a construção de um pacto para uma reforma que permita ao Brasil o aperfeiçoamento do seu sistema político e eleitoral.

A mensagem encaminhada pela presidenta inclui temas que vêm ao encontro do que a Bancada e amplas forças progressistas da sociedade defendem, e expressa a voz das ruas, na busca do aprofundamento de nossa democracia. Além do plebiscito,  a presidenta sugere consulta sobre a reformulação dos mecanismos de financiamento das campanhas eleitorais e do sistema eleitoral. A Bancada do PT defende o financiamento público e o sistema proporcional.

A mensagem presidencial estimula o debate sobre a reforma política, mas sem se descuidar do compromisso de apreciar matérias importantes e de interesse nacional, consolidando o projeto iniciado em 2003 com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e aprofundado pela presidenta Dilma Rousseff, com ações e políticas públicas que têm transformado positivamente o Brasil nos últimos dez anos.

Para a Bancada do PT – partido de raízes populares e construído no chão da fábrica e nas ruas –, o plebiscito sugerido pela presidenta qualifica, mediante a participação popular, o processo de reforma política, tantas vezes iniciado, mas ainda não concluído pelo Congresso Nacional. A sociedade deve ser ouvida sempre, pois é a propulsora das mudanças e é dela que emana o poder que exercem os seus representantes.

Brasilia, 2 de julho de 2013.

José Guimarães
Líder da Bancada do PT na Câmara dos Deputados

Anúncios