1660676_825650407451796_471876615_n

Foi realizado na noite de 10 de fevereiro, um Ato Político pelos 34 anos de fundação do Partido dos Trabalhadores. Em uma noite festiva organizada pelo Diretório Estadual, Diretório Municipal de Natal e Diretórios Zonais, 13 companheiros receberam um certificado em mérito a contribuição dada ao PT.

Receberam esta homenagem Jacira Goldim, Tereza Freire, Emanuel Alcoforado, Fernando Mineiro, Liege Uchôa, João Bosco, Vilma Geruza, Brasília Carlos, Manoel Tenório e uma entrega simbólica a Vilma Aparecida, Beto Hugo, Aldemir Lemos e Regina Pinheiro, que não puderam comparecer ao evento. O filho de Rui Pereira, Bruno, recebeu ainda uma homenagem póstuma concedida a seu pai, falecido há 4 anos em um acidente de carro. Também receberam outros tipos de homenagem Elisiel Barbosa da Silva e Lívia Uchôa.

Entidades como Central Única do Brasil (CUT) e Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), marcaram presença, assim com o Partido Social Democrático (PSD) e o Partido Comunista do Brasil (PCdoB).

O presidente do PT, Eraldo Paiva, relembrou de como foi difícil construir a historia do PT e  reconheceu as lutas e o trabalho que tiveram os militantes durante todos estes anos.

O vice-governador Robson Faria (PSD)  reafirmou seu  apoio à candidatura de Dilma Rousseff e disse que está a disposição do PT para discutir políticas sociais para o desenvolvimento do Brasil.

Para o vereador de Natal, Fernando Lucena, ainda se precisa de mais de 40 anos do PT no governo federal para fazer as transformações que o Brasil precisa e citou como exemplo o programa “Minha Casa, Minha Vida”. “Não podemos abrir mão dessas conquistas”, afirmou o vereador.

Hugo Manso fez uma análise da conjuntura nacional e das políticas internacionais que o PT vem adotando, já o deputado Fernando Mineiro, reafirmou o projeto do PT no estado que é compor a chapa majoritária, manter a vaga na câmara federal e ampliar as cadeiras na assembleia legislativa.

O presidente do PT de Natal, Juliano Siqueira, realizou uma intervenção referente às lutas de classes e fez um panorama sobre a história das esquerdas na América Latina. “Nós do PT, temos orgulho de dizer que somos de esquerda”, finalizou Juliano.

A deputada federal Fátima Bezerra não pôde comparecer a cerimonia, devido a impossibilidade de vôos para a cidade de Brasília, onde a deputada cumprirá outra agenda.

.

Confira no link, mais fotos do evento: http://migre.me/hOFsf

Anúncios