Em seus mandatos como vereador e deputado estadual, Fernando Mineiro (PT) tem incentivado o audiovisual e a cultura em todo o estado, sendo parceiro dos artistas e produtores natalenses e potiguares. Na noite desta quinta-feira (25), a convite do cineasta Carito Cavalcanti, o candidato a prefeito de Natal prestigiou o lançamento do filme Vida Vaza, no Mercado de Petrópolis.

Trata-se de um documentário experimental sobre as inquietudes da vida, como o existencialismo e a condição da mulher. O filme, segundo o próprio Carito, surgiu das angústias sentidas por ele pelos dias atuais, do retrocesso por que passa a atual geração, como um ciclo da história. “É um manifesto à diversidade. Como homem, me sensibilizo com o que está ao meu redor, principalmente com as mulheres, as minorias, os homossexuais, todas as diversidades humanas e possíveis”, disse. “A arte sempre foi instrumento de rebeldia”.

A produção, que dura cerca de 15 minutos, tem Ana Mendes, Ayrton Alves, Leilane Assunção, Michelle Ferret, Gato Lúdico, Gira Dança, Regina Azevedo, Joanisa Prates, Rozeane Oliveira, Paula Vanina, Titina Medeiros e Pedro Mendes.

Para Mineiro, a Natal que as pessoas querem é inclusiva, dinâmica e trata a cultura como uma política pública essencial, não apenas como evento. “Criar uma política cultural permanente na cidade é valorizar as nossas produções, os nossos artistas, a nossa história”, afirmou. “Através da cultura, refletimos a nossa própria condição e nos transformamos, somos livres”.

Anúncios