Após a queda do avião que levava a delegação da Chapecoense para disputar a final da Copa Sul-Americana na cidade de Medellín, na Colômbia, na madrugada desta terça-feira (29), causando ao menos 75 mortes, lideranças do Partido dos Trabalhadores demostraram apoio e condolências à equipe catarinense e às famílias dos jornalistas, tripulantes e outros passageiros da aeronave.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que é um momento de dor para todos os brasileiros. “Envio minha solidariedade às famílias dos atletas e comissão técnica da Chapecoense, dos jornalistas, tripulantes e passageiros do voo acidentado na Colômbia. Espero que todas as torcidas do Brasil abracem o time catarinense e se unam neste momento de extrema dor para todos nós, brasileiros”.

A presidenta eleita Dilma Rousseff  classificou o ocorrido como “trágico acontecimento”. “Neste momento de dor, manifesto minha solidariedade e meu mais profundo sentimento de pesar aos familiares e amigos das vítimas e ao povo catarinense”.

Rui Falcão, presidente nacional do PT, também lamentou o ocorrido.  “Minha solidariedade aos familiares, amigos e torcedores por esta tragédia. “.

Anúncios